quinta-feira, 22 de abril de 2010

Photobucket

"Cada um tem a idade do seu coração, da sua experiência, da sua fé." George Sand

Fez ontem. Noventa. A minha tia envelheceu aos vinte e poucos anos, perdeu um filho. Nunca vi a minha tia sorrir. Rir. Ou gargalhar. A minha tia tem uns olhos muito bonitos, mas nunca os vi a brilhar. A minha tia não tem medo da morte, disse-mo hoje a chorar. A minha tia diz que já está cá há tempo a mais. A minha tia tem os melhores abraços que eu posso receber. Porque são sinceros e do coração. A minha tia tem uma tasca. Ainda daquelas de madeira com pevides no chão. E bancos corridos. Tortos. Pelo tempo. A minha tia é pequenina e tão grande. "Oh minha Filipa vive bem a tua vida, e vive com o teu coração." E eu que estava a descascar uma cebola. Chorei.

9 comentários:

Alma social disse...

RESPEITO.
Pode nao parecer,mas tenho fé..
Vejo que a tua tia tá com ar alegre e deve ser pq tavas perto dela..
Por vezes basta tar 5 min. com as pessoas que gostamos e que nos transmitem algo positivo, nem que seja a mera presença, para nos alegrar o coraçao e alma...
abraço indisna...
adorava a minha avó albertina, infelizmente assisti ao seu ultimo suspiro, tal como ela sempre quiz, o seu netinho perto nem que seja 5 min. por dia... tenho fé, pq o ser superior lhe deu a morte que ela rezou pra ter..
fico alegre, de ter aprendido tanto nesta vida e agradeço tudo o que me ensinou.. e hoje sou o que quem me conheçe bem sabe que sou...

bettips disse...

Lindo linda!

Camolas disse...

Parabéns e longa vida à Celeste!
Tchim! Tchim! à da Celeste!!!

Carrasqueira disse...

Provavelmente já não se lembra de mim! Fui em tempos sua aluna, não sei o porquê mas foi também em tempos que tinha melhores notas..
Há uns longos meses descobri o seu outro blog...hoje vi que estava encerrado e tinha um novo!
Decidi vir cuscar, arrastar os olhos pelo mono agarrado à torre!
E tenho algo a dizer. Uma imagem vale mais que mil palavras, mesmo a querer expressar a emoção pelo impacto que esta fotografia provocou não consigo!...talvez por me fazer recordar também em tempos uma pessoa!

Beijinhos

Estranha pessoa esta disse...

E provavelmente até me lembro. :)
Nunca esqueço um dos meus amores.
2004.
Mafra.
Salvo erro... 8ºB :)

Não imaginas o que sorri ao 'ler-te' . Gostei tanto!

Mas, tanto.

Muito obrigado pelas tuas palavras, e essencialmente pela tua presença.

Um abraço enorme, mas mesmo grande para ti, daqui bem daqui de mim.

Brain disse...

Beijo Meu.
A Ambas.

Um, para cada uma, claro!

Carrasqueira disse...

"Salvo erro" sem erro nenhum =)
De nada!
Vou continuar a vir aqui gosto bastante do blog, tem uma maneira bastante sua de escrever!

beijinho

Antonio saramago disse...

A VIDA Prolonga-se para uns e encurta para outros, nunca ´re demais viver-se muito, mas é muito triste viver-se pouco, que a tua tia continue por muitos anos a chamar-te sobrinha!!!

Luis Eme disse...

boa pinta da tua tia.

maldita cebola...

origem
 

Contador Grátis